25/12/2019

Intimidade Interior | 1951

Cafh - um caminho de desenvolvimento espiritual

Curso: Mensagens I

Tradução e narração do texto original de Santiago Bovisio pela equipe Cafh

5ª Ens | Mensagem de 1951 | Intimidade Interior 


 


Intimidade Interior - 1951

Buscai vossa realização no mais íntimo de vosso coração.

Que vosso pensamento sempre esteja ali, em contínua oração: murmurem vossos lábios o nome da Divina Mãe até que, feito vosso alimento vivo, penetre em vós, repetindo misticamente o Nome Santo dentro das próprias paredes do coração.

O mundo não vos pertence, apenas vossa morada interior. Sois ricos em bens sagrados que, sem interrupção, ajudam-vos e estimulam à intimidade mística.

Tendes vossos Votos que são a Porta Sagrada, que não deixam a paixão do desejo infiltrar-se na alma.

Tendes vosso Raio de Estabilidade, que é o puro campo magnético espiritual dentro do qual vos podeis mover sem que vos ate o peso da cidade.

Tendes vosso Regulamento que vos protege do equívoco e do mundo todo.

Tendes, sobretudo, vossos Superiores e Guias, homens essencialmente virtuosos, sempre dispostos a vos dar os tesouros da Ensinança e de suas experiências.

Aproveitai todos estes meios que vos têm sido dados gratuitamente para que vos seja mais fácil o exercício da contínua prática da Vida Interior.

Muitos caminhos levam aos pés da Mãe Divina, mas a Ascese Mística é, nestes dias terríveis, o único meio seguro.

Buscai, no mais íntimo de vosso coração, a vossa realização.

Que vosso pensamento sempre esteja ali, fugindo dos torvelinhos exteriores, em contínua oração.

Se vos afastais de vossa intimidade interior, logo a seguir correis o perigo de serdes enganchados às grandes cadeias da materialidade corrupta do mundo.

Se saís fora de vós mesmos, perdeis vossa liberdade individual, correndo o grave perigo de vos transformardes nos homens postes que marcam as vias da escravidão coletiva.

Se existem homens grandes no mundo, nos dias que correm, não lhes resta mais remédio do que confessar sua impotência frente à destruição moral das massas organizadas e fugir incompreendidos para o silêncio de sua intimidade.

Sois, por vossa vida de oração interior, almas livres de amar e de pensar e, fora, correis o perigo de serdes feitos escravos das idéias unilaterais que governam o mundo, sem deixar viver nem a mente nem o coração.

Sois, em vossa intimidade, os construtores ideais da Grande Obra sobre a Terra e, fora, correis o perigo de serdes os destruidores do Templo vivo do Espírito.

Sois, por morar em vosso coração, a força potencial e virginal das almas do futuro e, fora, correis o perigo de gerardes os filhos maléficos das Sombras.

Sois os Amadores Eternos da Mãe e, fora, correis o perigo de perdê-la para sempre.

Muitos caminhos levam aos pés da Divina Mãe, mas a Ascese Mística é, nestes terríveis dias, o único meio seguro.

Seja vosso Coração vossa meta e vossa morada.

Murmurem vossos lábios o nome da Divina Mãe até que, feito vosso alimento vivo, penetre em vós, repetindo misticamente o Nome Santo dentro das próprias paredes do coração.

Aprendereis assim a amá-La cada vez mais; vós A adorareis continuamente. Vossa mente não poderá afastá-La de si, vossos sentimentos se negarão a deixá-La, não podereis sair fora de vossa intimidade.

O mundo será nada para vós, porque ele não vos pertence.

Na Oração continuada, na Vida Interior, em conhecer a Morada do Coração, está vossa realização.

© 2009 Cafh

Todos os Direitos Reservados